Senado aprova PEC Emergencial com gatilhos contra os servidores e auxílio minguado para o povo

Embora a possibilidade de redução de até 25% dos salários do funcionalismo tenha ficado de fora, o Senado aprova possibilidade de congelamento salarial, proibição de realização de concurso e suspensão das progressões. O texto também autoriza a concessão do auxílio emergência, mas limitado a R$ 44 bi. A matéria segue agora para a Câmara dos Deputados. Continuar lendo Senado aprova PEC Emergencial com gatilhos contra os servidores e auxílio minguado para o povo

Auxílio emergencial SIM, PEC Emergencial NÃO!

Nenhum centavo a menos para saúde e educação.
O relatório da PEC emergencial suprimiu a redução de 25% do salário do funcionalismo, mas incluiu a desvinculação orçamentária da saúde e da educação. A medida, contudo, é polêmica entre os Senadores. A votação da matéria, que estava prevista para hoje (25), foi transferida para a próxima semana. Continuar lendo Auxílio emergencial SIM, PEC Emergencial NÃO!