Informes da Reunião em Brasília do Comitê que discute os Processos de Trabalho no INSS

Os representantes do Coletivo Mudança e Renovação, Ana Dreher e Marcelinho Vasques, participaram nesta segunda-feira, 24 de outubro, de mais uma reunião presencial do Comitê que discute os processos de trabalho.

Na reunião foi aprovada por unanimidade (pelos representantes dos servidores e da gestão) a prorrogação até 28.02.2023 das seguintes situações:

  • Prorrogação da meta diária de produtividade na Central de Análise de Benefícios – Ceab de 4,27 (quatro vírgula vinte e sete) pontos para quem exerce suas atividades integralmente na modalidade presencial, ou sujeito ao controle de frequência, e para quem está no programa de gestão na modalidade teletrabalho em regime de execução parcial (PGRP)e integral (PGRI).
  • Prorrogação para o servidor que cumpre jornada de trabalho de 40 (quarenta) horas semanais com lotação em Agência da Previdência Social – APS podendo optar pelo cumprimento de 6 (seis) horas de sua jornada de trabalho na modalidade presencial, durante o horário de atendimento definido para a unidade, e 1,22 (um vírgula vinte e dois) pontos diários (equivalente a duas horas) em caráter complementar.
  • Prorrogação do prazo para o servidor que cumpre jornada de trabalho de 40 (quarenta) horas semanais, integra a Ceab e exerce suas atividades integralmente na modalidade presencial podendo optar pelo cumprimento de 6 (seis) horas de sua jornada de trabalho na modalidade presencial, desde que alcance da meta diária.
  • Prorrogação da manutenção do Programa de Gestão do Atendimento Presencial – PGAP, instituído no art. 3o da Portaria PRES/INSS no 1.315, de 17 de junho de 2021, nas unidades onde o projeto-piloto já se encontrava em andamento.

Consideramos um grande avanço a prorrogação das situações acima mencionadas, sobretudo a luz da situação política atual que vivemos.

Quanto aos desligamentos dos programas de gestão por não atingimento de metas, a Direção do INSS informou que não é possível a prorrogação face cobrança do TCU.

Reforçamos que nós entregamos um vasto material técnico para revisão das pontuações, metas e programas de gestão, porém até a presente data não obtivemos retorno quanto ao que foi apresentado. Trata-de de um estudo detalhado sobre a revisão dos processos de trabalho e o INSS informou que ainda está em estudo pelas aéreas técnicas e foi sinalizado retorno sobre os assuntos nas próximas reuniões.

Com relação a devolução dos valores decorrentes do desconto da greve de 2009, a Diretora da Gestão de Pessoas informou que já começaram a ocorrer os pagamentos. Hoje reabre a folha e que já vão ser incluídos novos pagamentos para o próximo mês. A ideia é que todos recebam ainda este ano.

Importante a categoria se manter mobilizada, pois lembramos que o comitê faz as discussões e indicações ao presidente do INSS, cabendo a ele acatar ou não o que foi encaminhado.

No vídeo também há informes sobre o retorno da perícia singular, proposta de incorporação da GDASS ao VB, bem como do Comitê Gestor da Carreira. Assista!