CARTA AO PRESIDENTE DO INSS – PELA EFETIVAÇÃO DO COMITÊ DO INSS (METAS E CONDIÇÕES DE TRABALHO)

Prezado Senhor,
Em audiência realizada em 24.09.2019 entre as Entidades Representativas dos servidores e o Presidente do INSS, foi estabelecido a constituição de um Comitê para discutir metas exequíveis, condições de trabalho, a emissão de Certidão de indisponibilidade do Sistema com expurgo automático, entre outros pontos. 
Já se passaram 51 dias e até o presente não foi publicado a portaria do referido comitê, bem como seus representantes e o início dos trabalhos.
Cabe destacar o que segue abaixo:

  • Nos cinco últimos exercícios (2015 a 2019), as vacâncias por aposentadoria, exoneração e posse em outros cargos somam 12.206 servidores. Em 2019, até o mês de setembro foram 4.978 aposentadorias, uma perda de força-de-trabalho inconteste, além do conhecimento incomensurável com o qual o INSS deixa de contar, cujo agravamento é iminente com os 6.755 colegas em abono de permanência, o que reduzirá ainda mais o quadro de 22.644 servidores em atividade (deduzidas as cedências);
  • Os servidores do INSS mesmo com a constante redução de força de trabalho vem realizando severos esforços para reduzir o elevado estoque de benefícios a serem analisados, questão essa já reconhecida pelo senhor em 22/08/2019 na Cerimônia dia D da transformação Digital;
  • Mais de 1700 unidades do Instituto não conseguem suprir a necessidade da população de forma satisfatória. O INSS constatou que dessas unidades, 25% operam com até 5 servidores e tem sido apontado como insuficiente para fazer frente a demanda crescente. Adicionalmente, a lentidão na contratação de novos servidores, bem como a necessidade de treinamento do quadro atual de recursos humanos em tecnologias, que auxiliariam a capacidade produtiva do Instituto, agravam o cenário atual. (Relatório Final: ORGANIZAÇÃO E DISSEMINAÇÃO DE METODOLOGIA DO INSS DIGITAL”, p. 07);
  •  Ainda há um severo déficit do parque tecnológico do INSS que conforme o Relatório GT MODELO DE MENSURAÇÃO DA GDASS “Atualmente aproximadamente 65% dos links de conexão à internet são de 512 kbps. Com isso, os sistemas apresentam significativa lentidão, instabilidade, indisponibilidade, erro de processamento, sendo esses pontos alvos de muitas reclamações e chamados no Sistema de Chamados da Dataprev (SDM – Service Desk Manager). Os computadores também podem estar tornando-se obsoletos, vez que as últimas aquisições são de 2010 e 2013”;
  • Os reiterados incidentes de indisponibilidade, inconsistência e lentidão dos sistemas corporativos, registrados exaustivamente pelos servidores, é uma grave questão que merece a devida atenção e soluções, visto que compromete o trabalho dos servidores e a prestação de serviço à população;
  • Os servidores do INSS organizaram um abaixo assinado que já possui mais de 1000 assinaturas (VEJA AQUI), solicitando a efetivação do referido comitê.
Por fim, Senhor Presidente os servidores do INSS aguardam ansiosamente que o senhor cumpra a palavra com a efetivação do Comitê que irá tratar de metas e condições de trabalho. Visto que os servidores do INSS são responsáveis diariamente pela concessão de diversos benefícios requeridos pela população e possuem os conhecimentos necessários e devidos para apresentar propostas e soluções.
———
Envie essa carta para:   
Ao Presidente do INSS
Sr. Renato Rodrigues Vieira
E-mail: pres@inss.gov.br 

Mudança e Renovação 
…..
Assuntos relacionados